Maior produtor nacional de amendoim, São Paulo deverá produzir 644,1 mil toneladas da leguminosa na safra 2021/2022. Os dados são do 5º Levantamento da Safra de Grãos 2021/22, publicado pela Companhia Nacional do Abastecimento (Conab). A área cultivada para esta safra (somando o cultivo de primeiro e segundo ciclos) está em 175,4 mil hectares – um aumento de 14,4% em relação ao ciclo anterior – com produtividade média estimada em 3.672 kg/ha.

Grande parte das áreas estaduais de amendoim são cultivadas diretamente por empresas paulistas, que beneficiam e exportam o grão. Produtores independentes de outros estados onde não há pontos de recebimento do produto, como Mato Grosso do Sul, também realizam contratos de comercialização com as companhias de São Paulo. Dessa forma, toda a produção já tem destino previamente certo, com boa parte com preço negociado em contratos que garantem os custos de produção.

Safra nacional – No somatório brasileiro, a atual safra do amendoim tem estimativa de crescimento de 15,9% na área em relação à safra passada. A produção deverá ser de 700,5 mil toneladas: 17,4% maior que a safra anterior, com um incremento de 1,2% na produtividade.

Outras informações sobre outras culturas cultivadas em São Paulo e nos demais estados do país podem ser acessadas no 5º Levantamento da Safra de Grãos 2021/2022.

Fonte: Conab