Apesar da forte queda do dólar em relação ao real, o indicador da soja do Cepea, calculado com base nos preços praticados no porto de Paranaguá (PR), chegou ao terceiro dia seguido de alta. A cotação variou 0,66% em relação ao dia anterior e passou de R$ 167,62 para R$ 168,72 por saca. Desse modo, no acumulado do ano, o indicador teve uma alta de 9,63%.

Em Chicago, os contratos futuros da soja tiveram forte alta e voltaram a se aproximar de US$ 14 por bushel. O vencimento para novembro subiu 2,34% e passou de US$ 13,516 para US$ 13,832 por bushel. Os boletins meteorológicos mostraram previsão de clima seco no Meio Oeste dos Estados Unidos e impactaram positivamente as cotações.

Fonte: Canal Rural