As primeiras aberturas florais de manga já ocorreram na região de Monte Alto/Taquaritinga (SP). Em relação aos anos anteriores, os primeiros sintomas florais surgiram mais cedo, devido à diminuição das temperaturas médias da região antes do período esperado.

Para a próxima temporada, diferentes fatores devem impactar a produção. Positivamente, pesa sobre o potencial produtivo dos pomares a baixa produtividade verificada no ano passado, bem como o encerramento antecipado da colheita, já que estes fatores reduzem o estresse das plantas, aumentando seu vigor para a temporada seguinte.

Porém, pesam negativamente os índices pluviométricos, que estão abaixo do normal neste primeiro semestre. Este cenário, inclusive, preocupa produtores, visto que a produção da região tem pouca participação da irrigação e que a escassez hídrica pode impactar na produtividade (devido ao menor enchimento dos frutos).

Fonte: hfbrasil.org.br