Em abril de 2021, as exportações brasileiras de manga apresentaram o melhor desempenho em toda a série histórica da Secex (Secretaria de Comércio Exterior), iniciada em 2004, para este mês. Na ocasião, o Brasil exportou 18,3 mil toneladas da fruta, volume 38% superior ao do mesmo período de 2019 – ano que, até então, detinha o recorde de exportações para um mês de abril. Em receita, foram arrecadados US$ 19,7 milhões, alta de 26% na mesma comparação.

Segundo agentes consultados pelo Hortifruti/Cepea, mesmo com preços mais baixos no continente europeu, a valorização do Euro frente ao Real manteve o mercado externo atrativo e estimulou os envios para a Europa. Além disso, houve aumento na demanda local, com a redução significativa dos envios do Peru e com a tímida chegada das mangas africanas.

Fonte: Cepea/Hortifruti